A primeira professora com síndrome de Down

Débora é a primeira professora com síndrome de Down no Brasil. Ela trabalha com crianças entre 6 e 7 anos na Escola Doméstica de Natal. Em 2013, Débora escreveu o livro, “Débora Conta Histórias” (Alfaguara Brasil), recheado de fábulas infantis que tratam de forma sutil a tolerância, o respeito e a amizade, algo que girou em torno dela por anos, ou seja, teve a criatividade de inspirar crianças com tal livro. A obra reúne histórias que se passam em uma fazenda e têm animais como protagonistas, inspirados em suas vivências pessoais.

Já em 2015, em Brasília ganhou o Prêmio Darcy Ribeiro de Educação, sendo a primeira pessoa com Síndrome de Down a receber a menção honrosa que leva o nome de grandes astros da educação, ela foi considerada exemplo no desenvolvimento de ações educativas no Brasil.

Uma agenda cheia

Essa semana, a escritora e professora Débora Seabra, apresentou seu livro e participou do bate-papo Geografia da Inclusão, em Paraty/RJ. A educadora vem cumprindo uma agenda cheia de compromissos, e este mês estará palestrando para juízes de Porto Alegre.

Conheça a nossa web série Geração 21